O Projeto Executivo foi desenvolvido a partir das definições presentes no Plano Diretor, tendo como base a ênfase na sustentabilidade, buscando menor impacto possível das obras e edificações. Serão construídas instalações apenas nas áreas já impactadas; as construções terão estrutura de madeira de reflorestamento pré-fabricadas, inclusive para minimizar os impactos de canteiro de obras; reserva de águas pluviais; uso eficiente da energia, da água, reuso de água em algumas edificações; energia eólica e solar, sistema de tratamento local de efluentes onde não há rede de coleta; previsão de materiais certificados e renováveis; aproveitamento de condições naturais locais para iluminação e ventilação naturais com qualidade ambiental interna e externa do edifício; acessibilidade a todas as pessoas, inclusive com deficiências. Está prevista também a terraplenagem com compensação de corte e aterro para melhor conformação dos platôs e o tratamento paisagístico com vegetação para torná-los mais agradáveis e minimizar os ruídos do trânsito do Rodoanel.